Sintomas da Pressão Baixa – Causas, Efeitos e tratamentos.

Variações de pressão sanguínea atingem a muitas pessoas diariamente. Seja a pressão baixa ou alta, esses males acabam causando muitos transtornos e maléficos à saúde para quem sofre com os mesmos. Descubra os sintomas da pressão baixa.

sintomas da pressão baixa

Em boa parte dos casos, tais mudanças na pressão sanguínea são frutos de alterações orgânicas decorrentes de processos químicos e hormonais. Normalmente, uma pessoa com funções saudáveis e um estado de pressão regular acaba tendo uma variação conforme a prática de atividades físicas e alterações de humor.

Apesar da pressão alta ser causa de inúmeros problemas e ser relativamente mais perigosa à saúde que a pressão baixa, podendo ser causa de problemas como infartos e acidentes vasculares cerebrais.

O que é a pressão baixa?

obesidade

A pressão baixa pode ocorrer por diversos fatores. Estes podem decorrer desde uma hipoglicemia ocasionada pelo decréscimo das quantidades de açúcar na alimentação até a algum tipo de hemorragia provocando sangramento e perda de líquidos.

Os sintomas da pressão baixa ocorrem, sobretudo, por insuficiência da atividade cardíaca em levar quantidades de sangue até regiões periféricas do corpo.

Quando isso ocorre a musculatura de certas regiões é incapaz de eliminar o CO2, fruto da queima de ATP para geração de energia, e absorver O2 nas quantidades necessárias, podendo assim ocasionar sintomas como náuseas e até mesmo desmaios. Uma pressão sanguínea é determinada como baixa quando são atingidos valores inferiores a 9 por 6.

A pressão baixa, diferentemente da pressão alta, não se manifesta normalmente por períodos prolongados de tempo. Em grande parte dos casos as pessoas que sofrem com os sintomas da pressão baixa sequer manifestam seus sintomas em atividades regulares.

desmaios

As raízes desse problema normalmente levam até os mesmos causadores, na maioria das vezes, quando analisados por um médico. Em uma enormidade dos relatos estes correspondem a uma má alimentação, deficiência de algum nutriente importante ou debilidade na excreção de determinados hormônios (estes também frutos de uma má alimentação como correspondência).

10 sintomas da pressão baixa

  • Tonturas

Consequências da falta de transporte ativo de oxigênio e eliminação de gás carbônico devido à falta de confluência do sangue em relação ao cérebro.

  • Batimentos rápidos

Na tentativa de suprir a demanda de sangue de certas órgãos e membros do corpo é liberada uma onda de adrenalina pelo sistema parassimpático, fazendo com que haja uma maior frequência dos batimentos cardíacos.

  • Vômitos

Uma das características da aceleração dos batimentos cardíacos é a liberação de enzimas que dificultam a digestão. Faz-se mister à crença popular da congestão ao nadar depois de comer. Quando é feita a pratica esportiva de forma intensa após uma grande quantidade de comida ser ingerida o corpo tende a expeli-la como forma de deixar-nos mais leves e aptos para a pratica.

  • Sede

Em consequência do aumento dos batimentos e seguidamente da elevação da atividade metabólica é causada também a sudorese. Essa sudorese denota fortemente, sempre que ocorrida, o crescimento das demandas energéticas por parte do corpo. Para transformar alimentos em energia é necessária a presença de água de forma abundante, por isso a sede.

  • Visão turva

É consequência da relação de prejuízo sofrida pelo cérebro em relação à demanda de oxigênio exigida pelo mesmo. Algo parecido ocorre em afogamentos, quando há uma menor disponibilidade de ar o cérebro tende a “desligar” momentaneamente certas funções para que o corpo de atenção a outras.

  • Confusão 

Provocada pela ausência da quantidade necessária de oxigênio.

  • Fraqueza

O tônus muscular tende a perder a sua rigidez e capacidades de contração sob a presença de gás carbônico em abundancia e quantidades reduzidas de oxigênio, por isso a grande fraqueza e fadiga muscular características da pressão baixa.

  • Cansaço

Provocado pela fadiga muscular e alta demanda energética proveniente da mesma.

  • Pele fria e pegajosa

Fruto da sudorese em demasia. A pele se apresenta fria por essa sudorese ser fruto apenas de uma atividade ligada a demanda de energia interna, sem a ocorrência de uma atividade física.

  • Respiração ofegante

Provenientes da maior demanda de oxigênio exigida pela descarga de adrenalina promovida pelo sistema parassimpático.

Causas

coracao

Na maioria dos casos (com exceção de sangramentos fortes) está intimamente ligada à hábitos alimentares que pecam nas exigências metabólicas individuais. Normalmente nota-se que há grande falta de algum nutrientes de importância para o bom funcionamento do coração e pressão sanguínea.

Tem cura?

Sim, basta procurar um médico (possivelmente um clinico geral) para fazer a recomendação das doses de medicamentos que devem ser ministradas para o retorno às funcionalidades da pressão.

Como tratar ?

O jeito mais comumente usado é colocar sal embaixo da língua, embora isso possa ser mais efetivo se feito com um doce pela descarga mais rápida de glicose promovida pelo mesmo.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply