Hipoglicemia – O que é, causas, como evitar e prevenção.

Ainda hoje muitas pessoas sofrem com a hipoglicemia. Mesmo sem saber, muitas pessoas passam pelos sintomas da doença, ou o déficit da quantidade de açúcar no sangue, algo que pode causar severos desconfortos, levando a situações como mal estar e até mesmo desmaios.

hipoglicemia

Os mais diversos tipos de pessoas podem sofrer com os efeitos, isso por que ela não é uma doença e sim um sintoma de alguma ação que está ocorrendo em seu organismo naquele momento.

As causas da hipoglicemia também podem variar bastante, mas é importante ressaltar que a sua presença não é um fator crucial na identificação de doenças como a diabetes, por exemplo, a que está comumente associada pelo senso comum.

É causado por um vírus ou doença?

hipoglicemia é doençaPor não ser uma doença a hipoglicemia não apresenta formas de contágio ou até mesmo algum grande risco para a saúde. Entretanto, quando ela torna-se comum e rotineira é importante verificar se há algum tipo de distúrbio ocorrendo em relação à ingestão e absorção de carboidratos.

Apesar de explicitadas e facilmente identificáveis as causas podem ter um cunho mais profundo do que parece a primeira vista.

Por isso é de suma importância a consulta médica para uma análise completa do funcionamento dos rins, pâncreas e aconselhamento quanto a dietas e administração de medicamentos que podem resultar em casos de hipoglicemia.


O que é a hipoglicemia?

hipoglicemia exame de sangue

É importante ressaltar a diferença entre a hiperglicemia e a hipoglicemia. Ambos os sintomas estã diretamente ligados com as quantidades de açúcar presentes no sangue de cada um. Entretanto, enquanto um marca a falta de glicose na corrente sanguínea a outra marca o excesso de açúcar no sangue.

Dadas as diferenças básicas e identificação do problema deve-se atentar para as suas causas. Em boa parte dos casos registrados a hipoglicemia está diretamente associada à falta da ingestão de carboidratos.

Isso ocorre por que os carboidratos são conhecidos como a principal fonte de energia do corpo humano. Os carboidratos, quando ingeridos, são quebrados em partículas menores através das enzimas do estomago.

Estas partículas são chamadas de glicose que, quando em funcionamento normal, são transformadas em glicogênio pelo corpo através da geração de insulina. Este glicogênio é então estocado nos músculos e gorduras.

Causas

Normalmente se apresenta quando há um corte brusco de carboidratos simples ou complexos. Isso ocorre graças à dificuldade de queima de gorduras em função da obtenção de glicogênio por parte do corpo. Quando há essa dificuldade presente o corpo entra em estado de alerta, provocando os clássicos sintomas da hipoglicemia.

Normalmente suas causas podem ser:

Dietas restritivas

É muito divulgada hoje a ideia da restrição do consumo de carboidratos em dietas. De fato a diminuição do consumo de carboidratos resulta em uma maior atividade lipolítica, ou seja, de queima de gorduras.

hipoglicemia nos dedos

Entretanto, o que se vê hoje é, em boa parte das dietas, o corte brusco de carboidratos em pessoas que até há meses atrás eram sedentárias e nunca haviam feito quaisquer tipos de dietas restritivas na vida.

Em casos como esses, a doença pode vir como um forte indicador da falta de adaptação do organismo à dieta em prática.

Administração de insulina

hipoglicemia é perigosoA administração de insulina é feita, na maioria dos casos, por diabéticos. Isso por que graças a deficiência da produção de insulina por parte do pâncreas nos diabéticos, algo provavelmente fruto de um dano nas ilhotas de Langerhans.

São incapazes de absorver os carboidratos quebrados pelo estomago e absorverem-os da forma correta. Por isso os diabéticos sofrem com o problema contrário, o da hiperglicemia.

Com a administração de insulina e os carboidratos sendo transformados em glicogênio de uma forma mais rápida que o comum, faz-se evidente o risco de crises de hipoglicemia, dada a baixa taxa de açucares no sangue.


Sintoma

Apresentam-se como sintomas:

  • Tonturas;
  • Enjoos;
  • Tremedeiras;
  • Escurecimento da visão;
  • Fome excessiva;
  • Fraqueza;
  • Náuseas;
  • Pressão baixa;
  • Desmaios;
  • Diagnostico .

O diagnóstico da hipoglicemia é algo fácil de ser realizado, não precisando muitas vezes de um apoio médico capacitado. É possível medir a taxa de glicose apenas com uma pequena gota de sangue, que pode ser extraída da ponta do dedo, procedimento esse característico dos portadores de diabetes.


Tratamento para Hipoglicemia

Para tratar as crises de hipoglicemia basta fazer a ingestão correta da taxa adequada de carboidratos.

hipoglicemia mostra sintomas

Recomenda-se que quando a pessoa, já com o histórico de crises as manifestar recomenda-se que o mesmo faça a ingestão de ao menos 15g de carboidratos simples, ou seja, de fácil absorção. Uma bala ou chocolate já deve dar conta do recado.

Como evitar

Em boa parte dos casos a consulta com um nutricionista apropriado deve bastar para fazer o controle adequado dessas crises.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply