Bromoprida → O que é, para que serve, como tomar e efeitos colaterais

A Bromoprida é um medicamento indicado para problemas gastrointestinais como náuseas, vomito, refluxo e acidez em excesso. Serve para alivias dores gástricas.

Para que serve

Serve para alteração na movimentação do estômago e intestino, refluxo gastroesofágico (ácido proveniente do estomago dentro do esôfago), náuseas e vômitos e para facilitar procedimentos no estomago.

Quando usar

Os efeitos colaterais são menores que o omeprazol, por exemplo. Seus efeitos são melhores e pode ser usado em adultos e crianças. Deve ser usado quando o paciente apresentar:

  • gastrites agudas;
  • acidez no estomago;
  • refluxo;
  • indigestão;
  • náuseas e vomito.

Quanto tempo faz efeito

O efeito do bromoprida ocorre de 1 a 2 horas após a administração que é feita via oral.

bromoprida oral

O recomendado é que essa administração seja feita antes das refeições para que tenha uma melhor absorção, uma vez que o remédio é indicado para aliviar dores estomacais.

Posologia da Bromoprida

A posologia deste medicamento varia de acordo com cada pessoa que fará o uso e de acordo com o problema estomacal a ser tratado.

bromoprida bula

O medicamento pode ser tomado até 3 vezes ao dia e o indicado é 1 a 2 gotas por quilo de peso. Se uma pessoa possui, por exemplo, 60 quilos, o recomendado é essa tome de 60 a 120 gotas do medicamento.

Se a bromoprida é utilizada apenas para alivio de dor, 1 cápsula basta. É recomendado que seja feita administração apenas via oral deste medicamento.

Os adultos devem tomar 10ml a cada 8 horas, ou a cada 12 horas e não devem exceder 60 mg por dia. As crianças (consideradas aquelas acima de 1 ano) 0,5 a 10 ml administradas 3 vezes ao dia.

Contraindicações

A bromoprida não deve ser usada em casos que a pessoa tenha alergia a algum dos componentes da fórmula, na presença de hemorragia ou perfuração gastrintestinal.

bromoprida diabete

bromoprida hemorragia

Em pacientes com feocromocitoma pois pode desencadear aumento na pressão arterial, pessoas com glaucoma, com insuficiência renal, em diabéticos, gestantes ou no período de amamentação pois o medicamento é liberado no leite e pacientes epiléticos.

Procure um médico!
Pessoas que estejam administrando outros tipos de drogas pois podem causar aumento na frequência e na intensidade das reações extrapiramidais, como:

  • aperto no peito;
  • alterações na fala;
  • ansiedade;
  • angústia;
  • movimentos involuntários de diferentes partes do corpo;
  • falta de ar.

O uso deve ser cauteloso em diabéticos pois a dose e o tempo de administração da insulina pode sofrer alterações, idosos pois pode ocorrer movimentos anormais ou perturbados.

Crianças podem tomar?

Crianças pois as reações extrapiramidais podem ser mais frequentes e são essas a fala enrolada, inquietude e movimentos involuntários, pessoas que possuem doença de Parkinson, pressão alta, insuficiência dos rins uma vez que a bromoprida é eliminada principalmente pelos rins.

Em pessoas portadores do câncer de mama pois o medicamento pode causar aumento da produção do hormônio lactogênico e em pessoas que possuem alergia a algum componente do próprio medicamento ou alergia a procaína (anestésico) ou procainamida que é um medicamento para arritmia cardíaca.

bromoprida diarreia

Nessas situações o uso da medicação deve ter um cuidado maior e ser administrado sempre sobre orientação médica.

Superdosagem

Em casos de superdosagem, que é quando uma pessoa administra uma dosagem maior que a recomendada, os sintomas que podem ocorrer são reações extrapiramidais e sonolência.

Atente-se!
O mais indicado a se fazer neste momento é procurar atendimento médico em algum pronto atendimento mais próximo.

Composição

A composição da bromoprida em gotas é a seguinte :

Cada mL de solução oral contém:

  • bromoprida ………… 4 mg;
  • veículo q.s.p. ………… 1 ml.

(metabissulfito de sódio, metilparabeno, propilparabeno, sacarina sódica dihidratada, edetato dissódico di-hidratado, ácido clorídrico, água purificada) Cada 1 mL de solução oral equivale a 24 gotas e 1 gota equivale a 0,17 mg.

Já a composição em cápsula é a seguinte:

Cada cápsula contém:

  • bromoprida ……………………………….. 10 mg;
  • excipientes q.s.p. ………………………….1 cápsula.

(dióxido de silício, estearato de magnésio, manitol, talco).

Efeitos colaterais da Bromoprida

Os efeitos colaterais geralmente aparecem após 72h da ingestão do remédio, mas pode ocorrer de aparecer após mais dias de uso. Os sintomas mais frequentes são a inquietação , a fadiga e o cansaço.

Os sintomas menos frequentes são:

  • a insônia;
  • náuseas e tonturas;
  • dor de cabeça;
  • fraqueza;
  • ganho de peso;
  • contrações e espasmos musculares;
  • distúrbios intestinais;
  • falta de ar e aperto no peito.

Como também a produção do leite fora do período de amamentação e aumento no tamanho das mamas dos homens, e diversos outros efeitos colaterais que podem ser causados tanto em homens como também nas mulheres.

Onde guardar?

Esse medicamento desse ser mantido em temperatura ambiente, de 15 a 30 graus e deve ser administrado de acordo com sua data de validade presente na embalagem do produto. É contra indicado o uso com a validade vencida. Deve ser mantido fora do alcance de crianças.

bromoprida longe de crianças

Qualquer alteração no aspecto do medicamento dentro da validade, seu uso deve ser interrompido e apenas retomar após consultar um profissional farmacêutico para verificar se o medicamento está administrável ou não.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (392 votes, average: 4,70 out of 5)
Loading...

Leave a Reply